Dos games para as ruas: a história deste icônico Nissan 350Z

Ícone nipônico da customização, modelo é realização de um sonho que ainda está longe de estar finalizado

Texto: Fernando Naccari

Fotos: Edgar Klein


O paulistano Roberto Maldonado Junior, de 27 anos, conseguiu realizar o sonho de infância de muita gente: ter um Nissan 350Z em terras tupiniquins. Não que ele seja um carro extremamente raro, não é o caso – embora ainda tenham poucas unidades no País – mas encontrar um que ainda preserva a originalidade e com manutenção em dia é uma tarefa complicadíssima.

A história se torna ainda mais interessante quando Roberto conta como comprou o seu: “Este é o meu segundo carro na vida, comecei com um Ford Ka, até fiz algumas modificações nele, porém surgiu a oportunidade de trocar neste Nissan 350Z (claro, com uma substancial volta em dinheiro), que sempre foi meu carro dos sonhos. Troquei sem pensar e até hoje nunca me arrependi. A cada modificação que faço no carro, gosto ainda mais dele”, conta Roberto.

O interesse pelos veículos japoneses e customizados nasceu na infância, como na grande maioria dos apaixonados por carros. “Eu gostava muito de jogar videogame, jogos de esportes e, entre os de corrida, era apaixonado pelo Need For Speed Underground. Comecei a customizar os carros lá, a paixão aumentou quando saiu o Need For Speed 2 e, a partir de então, não deixei mais de olhar um carro e imaginá-lo customizado ao meu gosto”, comenta Roberto.

O projeto

Assim que adquiriu o seu Nissan 350Z Coupé 2008, Roberto já tinha em mente os upgrades que desejaria. “Comprei o carro totalmente original, mas meus planos eram de deixá-lo bastante chamativo. Aquele carro que, quando passa na rua, todos param para olhar”, explica.

“Assim, por enquanto instalei a asa traseira e o neon, que já o deixam com um aspecto completamente diferente do original”, acrescenta Roberto.

Além disso, completam o visual externo o novo jogo de rodas EXE Konvex, aro 19” com tala 8,5”, na dianteira e 9,5”, na traseira. Os pneus dianteiros são 245/35 e, os traseiros, 275/35. Com este conjunto, embora ainda preserve a  suspensão original, o carro ficou com aspecto mais parrudo e “colado ao chão”.

“A suspensão ainda está original, mas os planos para ela dependem diretamente do body kit que eu for instalar no carro. Caso ele fique muito baixo vou precisar instalar um conjunto a ar para ajustar sua altura dependendo da via e também para manobras. Isso afeta diretamente o desempenho do carro na pista, uma vez que ir com ele para Interlagos é uma paixão”, acrescenta Roberto.

A pintura ainda é original de fábrica, mas ainda há alguns detalhes estéticos no carro. “O carro possui máscara negra nos faróis dianteiros, também inclui uma barra de LED para substituir a lanterna de bulbo original e aproveitei para criar um DRL no refletor lateral, o que deu uma aparência mais moderna para a dianteira do carro. Na mesma oportunidade, também substituí a seta e luz de ré traseiras por LEDs, o que deixam o carro mais moderno e bonito. Instalei uma asa traseira esportiva, que da agressividade ao carro e neon para parar o trânsito nas noites.

Mecânica quase original

Quando saiu de fábrica, lá em 2008, o Nissan 350Z Coupé do Roberto já tinha uma ficha técnica bastante elogiável, com motor V6 a gasolina que rendia 312 cv a 6.800 rpm e 36,5 kgfm a 4.800 rpm. Mais do que suficiente para causar torcicolo nos caronas mais distraídos.

Nesta versão ainda estão presentes o bom câmbio automático sequencial de 5 marchas, a essencial tração traseira e o eficiente diferencial autoblocante: receita completa para quem gosta de velocidade.

Se por enquanto nenhum ganho importante foi alcançado, não podemos mais dizer que está como saiu de fábrica:  “Já instalei o escape direto completamente em inox com 4” de diâmetro e com abafadores de 6” na ponta. O intake será feito em breve”, explica Roberto.

Som

Aqui, ainda está o mais próximo do original o possível: “Continua o sistema de som original Bose, mas troquei a central multimídia por uma mais moderna”, comenta Roberto. “O porta-malas está original, por enquanto”, acrescenta.

Futuras modificações

E se você acha que o projeto já está bom deste jeito, você está muito enganado. Para Roberto, os próximos passos estão claros: “Com certeza vou trabalhar no body kit e na suspensão. Como são customizações caras e que devem ser feitas com muito cuidado e empenho, elas levam mais tempo de preparação e trabalho. Também preciso de um bom parceiro para o desenvolvimento do bodykit, já que ele não é um existente, mas sim um idealizado por mim”, diz Roberto.

“Quando finalizado, ficará parecido com um VeilSide, instalarei novas rodas, mais largas que as atuais para acompanharem o body kit. Instalarei ‘Lambo Doors’, LED nos faróis, um sistema de som mais modernos, projetar novos intake e escape, um kit bi-turbo, nova asa traseira, neon, entre outras coisas”, ratifica Roberto.

E, finalizando, Roberto projeto como ficará o visual “trevoso” do modelo: “O carro será pintado novamente, porém continuará preto, com as rodas pretas, máscara negra nos faróis, enfim, preto sobre preto com tons de preto escuro”, finaliza bem-humorado.

Quem fez?

Escapamento:

Hans Car

  • Rua do manifesto, 2602 – Ipiranga – São Paulo/SP
  • instagram.com/hanscar_
  • facebook.com/Hanscarmec/

Iluminação:

JDM LED SOLUTIONS

  • Rua Rubi, 53 – CEP 13088-440 – Campinas/SP
  • instagram.com/jdmledsolutions
  • facebook.com/jdmledsolutions
  • WhatsApp: (19) 9 9199.6143

Galeria

You don't have permission to register