Texto: Ademir Pernias
Fotos: Divulgação

Cinco etapas nos estados de São Paulo e Santa Catarina marcaram a rodada de fevereiro do selo MTM. Em Ibiúna (SP), destaque para Daniel Ferreira, da Ação Automotiva, que tocou 143,2 dBs com seu Gol equipado com Stetsom na SPL livre. Na etapa catarinense de Campo Novos, destaque no som para Matheus Menegazzo, que tocou 132,2 dBs com seu Gol sonorizado com Shocker na SPL two até 12”. Nos rebaixados, foram registradas marcas negativas. Em Osasco (SP), a maior marca foi feita por Cícero Rodrigues, da “U Problema É Grave”, que fez 144,2 dBs com seu Gol equipado com Taramp’s na SPL livre. Destaque também para Daniel Ferreira, da Ação Automotiva, com dois primeiros lugares com a maior marca de 142,7 dBs atingida com seu Gol sonorizado com Stetsom na SPL expert mid. Na modalidade SPL two 30”, que teve seis competidores, destaque para o competidor Felipe, da Drive Low Life, que tocou 142 dBs com seu carro equipado com Taramp’s. Outra modalidade bem disputada foi a SPL two até 24”, com cinco participantes, que teve como destaque Bruno Gomes, da TKCD, que cravou 142,2 dBs com seu Corsa. Em São Bernardo do Campo (SP), destaque ao competidor Fábio, que tocou 149,7 dBs com seu Corsa equipado com Shocker e Soundigital na SPL expert até 20” e 149,8 dBs na SPL two 20”. Na modalidade SPL hair trick extreme, destaque para o competidor Adalton, da Magic Sound, que tocou 155,7 dBs com sua perua Ipanema montada com Stetsom. A maior marca do dia foi registrada pelo competidor Reinaldo, da Rato Sound, que tocou 157 dBs com seu Fiat 147 na SPL livre. A rodada contou ainda com um evento exclusivo para rebaixados na cidade catarinense de Lages. Confira os campeões das etapas na página 86 e o ranking atualizado em: www.mtmbrasil.com.br.

 

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA