Apesar de ser um fator ainda pouco avaliado na hora do consumidor adquirir um carro, a segurança é um dos quesitos mais importantes

Para ajudar os que estão pensando em comprar um veículo, veja algumas dicas do que deve ser considerado na hora de optar por um modelo.

Pontuação em provas de crash test

Testes de colisão, como os que a Latin NCAP realiza, avaliam os carros com notas de zero a cinco. Mesmo os que tem bons acessórios de segurança podem receber pontuação baixa, decorrente de uma carroceria frágil.

Material da carroceria

O aço compõe a maior parte da estrutura veicular. Por essa razão, é importante averiguar com o fabricante se a resistência da ‘célula de sobrevivência’ é capaz de garantir a proteção necessária.

Proteção adequada para o motorista e demais passageiros

Uma boa estrutura veicular deve preservar a área dos passageiros. As estruturas frontais e traseiras, bem como as laterais devem absorver a energia gerada no impacto reduzindo o impacto na célula de sobrevivência, e, consequentemente, nos passageiros.

 Itens de segurança de um automóvel

Os automóveis possuem sistemas de segurança ativa, que existem para evitar acidentes, e de segurança passiva, voltados para que os ocupantes sejam protegidos quando o acidente é inevitável. Na primeira categoria, encaixam-se itens como freio ABS e controle de estabilidade, enquanto que na segunda modalidade está o airbag, cinto de segurança e válvula bloqueadora de combustível. É importante destacar que o ABS e o airbag frontal são obrigatórios em todos carros produzidos a partir de 2014. Caso o comprador procure um veículo fabricado em data anterior, é fundamental verificar se o modelo possui esses sistemas.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here