Imagem aérea da fábrica de catalisores da BASF em Indaiatuba/SP

BASF comemora 20 anos de fábrica de catalisadores em Indaiatuba/SP

Na planta, foram produzidos também 20 milhões de catalisadores, sendo eles para a linha Otto, Diesel e até para motocicletas

Fotos: Penna & Silva / Divulgação

Na década de 70, a BASF foi uma das primeiras empresas a apresentar estudos para a redução de emissão de poluentes de origem veicular. Assim, sua patente foi o importantíssimo e fundamental catalisador de três vias.

Imagem aérea da fábrica de catalisores da BASF em Indaiatuba/SP
Imagem aérea da fábrica de catalisores da BASF em Indaiatuba/SP – crédito Penna&Silva

De lá para cá, o invento ajudou a reduzir o equivalente a 1,3 bilhão de toneladas de poluentes na atmosfera. Só na região metropolitana de São Paulo, os catalisadores BASF ajudaram a reduzir em 60% a emissão de gases nocivos à saúde e estima-se que mais de 14 mil mortes tenham sido evitadas, gerando também uma economia de R$ 1,3 bilhão em assistência médica.

Investimento e sustentabilidade

A empresa ressalta ainda que nos últimos oito anos foram feitos investimentos cerca de € 15 milhões em modernização e complementação da linha de produção de catalisadores para motores a diesel.

Com foco em sustentabilidade, a unidade de Indaiatuba/SP vai receber uma certificação externa de zero aterro, o que significa que todos os resíduos sólidos gerados na localidade serão descartados buscando alternativas sustentáveis, evitando, assim, que sejam encaminhados a aterros.

Vale ressaltar que a fábrica atual foi adquirida pela BASF em 2006, mas desde 2000 a Engelhard produzia os componentes na planta. Atualmente, a fábrica funciona com 100 colaboradores, opera em três turnos e possui uma área de 24 mil metros quadrados.

Como são produzidos?

Processo de produção de catalisadores automotivos
O trabalhador da produção Marcel Schütze verifica o status dos catalisadores produzidos antes de serem concluídos. No local, são produzidos catalisadores de controle de emissões para carros movidos a gasolina e diesel, caminhões, ônibus, motocicletas, equipamentos de construção e outros veículos.

Basicamente falando, os catalisadores são constituídos de uma carcaça metálica e uma colmeia que pode ser de material cerâmico (para veículos em geral), ou material metálico (para motocicletas e veículos esportivos).

Processo de produção de catalisadores automotivos
No local de Nienburg, são produzidos catalisadores de controle de emissões para carros a gasolina e diesel, caminhões, ônibus, motocicletas, equipamentos de construção e outros veículos. O portfólio de produtos também inclui filtros catalíticos de fuligem (particulados), como o catalisador de conversão de quatro vias EMPROTM (FWCTM), que não apenas converte monóxido de carbono, hidrocarbonetos não queimados e óxido de nitrogênio em água, nitrogênio e dióxido de carbono, mas também remove partículas nocivas.

Estes materiais são importados pela BASF de diversos fornecedores e, na unidade de Indaiatuba/SP, são impregnadas com o Slurry, que é como um “barro” composto por uma mistura de metais preciosos, como platina, paládio e ródio, e esta porcentagem varia de motor para motor em um processo planejado cerca de 2 anos antes do lançamento deste para o mercado.

Processo de produção de catalisadores automotivos
Os catalisadores saem do forno logo após o processo de secagem. Durante esta fase de produção, a pasta, que contém metais preciosos entre outros ingredientes, é seca no substrato. No local de Nienburg, são produzidos catalisadores de controle de emissões para carros a gasolina e diesel, caminhões, ônibus, motocicletas, equipamentos de construção e outros veículos.

Após esta impregnação, os catalisadores passam por um processo de secagem entre 180ºC e 280ºC e calcinação, que ocorre entre 480ºC e 680ºC. Esta útlima etapa permite que a solução se fixe a colmeia.

Jornalistas de São Paulo/SP e região de Indaiatuba/SP foram convidados para conhecer a fábrica de catalisadores da BASF em seu aniversário de 20 anos
Jornalistas de São Paulo/SP e região de Indaiatuba/SP foram convidados para conhecer a fábrica de catalisadores da BASF em seu aniversário de 20 anos

You don't have permission to register